sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

RN terá 41 creches e pré-escolas com recursos do Proinfancia

O Rio Grande do Norte vai receber 41 creches e pré-escolas públicas de educação infantil, distribuídas em 36 municípios. As unidades serão construídas com recursos do Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância) do governo federal. O investimento ultrapassa os R$ 51 milhões de reais.



A deputada federal Fátima Bezerra (PT), autora do pedido de inclusão dos municípios potiguares no Proinfância, comentou que, ao inserir as creches na lei do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), “forçamos o estado a ter uma política volta para a primeira infância”.



Para Fátima, a medida é mais uma forma de “cuidar” das crianças e mães brasileiras. “Com o Proinfancia, estamos contribuindo não só com a melhoria da educação pública oferecida a nossas crianças, mas também com a qualidade de vida das mulheres-mães que exercem uma tripla jornada de trabalho”, enfatizou.



Com os recursos, creches e pré-escolas também serão estruturadas com mobiliário e equipamentos necessários ao seu bom funcionamento. A estrutura das unidades contará com espaços adequados aos portadores de necessidades especiais. Além do ambiente pedagógico e administrativo, as unidades terão áreas para recreação, esporte, alimentação, fraldários, bibliotecas, salas de leitura e salas de informática.



Fátima revelou que o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Daniel Balaban, responsável pelo gerenciamento do Proinfancia, virá ao Rio Grande do Norte em março para se encontrar com a governadora Wilma de Faria (PSB), o secretário estadual de Educação, prefeitos potiguares e secretários municipais para fazer um balanço dos convênios firmados com o governo federal.



Fundeb



A deputada Fátima Bezerra relatou a lei (11.494/2007) que regulamentou o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O Fundeb é formado com recursos provenientes das três esferas de governo (federal, estadual e municipal). Os recursos do Fundeb financiam as ações de manutenção e desenvolvimento da educação básica pública em todas as modalidades, como as abrangidas pelo Proinfância.



Confira abaixo a tabela com a relação de cidades beneficiadas pelo Proinfancia no RN:
1
RN
Almino Afonso
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Alto do Rodrigues
Empenhado
R$ 599.631,69

1
RN
Apodi
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Brejinho
Empenhado
R$ 638.163,50

1
RN
Caicó
Empenhado
R$ 652.763,60

1
RN
Caraúbas
Empenhado
R$ 649.311,17

1
RN
Carnaubais
Empenhado
R$ 653.833,31

1
RN
Ceará Mirim
Empenhado
R$ 584.744,84

1
RN
Cerro Corá
Empenhado
R$ 618.737,79

1
RN
Florânia
Empenhado
R$ 618.455,12

1
RN
Gioaninha
Empenhado
R$ 653.639,90

1
RN
Itaú
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Jucurutu
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Macaiba
Empenhado
R$ 657.021,81

1
RN
Maxaranguape
Empenhado
R$ 655.225,49

6
RN
Natal
Empenhado
R$ 3.917.799,44

1
RN
Nisia Floresta
Empenhado
R$ 645.176,95

1
RN
Olho d'Água do Borges
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Pedra Grande
Empenhado
R$ 641.699,31

1
RN
Rafael Fernandes
Empenhado
R$ 633.607,51

1
RN
Riacho da Cruz
Empenhado
R$ 627.271,43

1
RN
Riachuelo
Empenhado
R$ 596.815,90

1
RN
Ruy Barbosa
Empenhado
R$ 661.568,77

1
RN
São João do Sabugi
Empenhado
R$ 653.639,90

1
RN
São João do Seridó
Empenhado
R$ 641.950,36

1
RN
São Rafae
Empenhado
R$ 616.649,40

1
RN
São Tomé
Empenhado
R$ 639.639,90

1
RN
Sen. Georgino Avelino
Empenhado
R$ 558.825,18

1
RN
Serra do Mel
Empenhado
R$ 645.176,95

1
RN
Serra Negra do Norte
Empenhado
R$ 604.631,87

1
RN
Sítio Novo
Empenhado
R$ 627.271,43

Comissão especial aprova impeachment de Arruda

Por unanimidade, cinco votos a zero, os deputados da Comissão Especial da Câmara Legislativa aprovaram há pouco o relatório do distrital Chico Leite (PT) sobre os pedidos de impeachment contra o governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido). A partir de agora, o parecer será enviado ao plenário, que tem a missão de referendar a decisão do colegiado. Os parlamentares devem analisar o parecer da comissão especial na próxima (2). Caso a Câmara concorde com o relatório do petista, será aberto o prazo de 20 dias para Arruda apresentar sua defesa.
Veja a íntegra do parecer pelo impeachmentLeia também: Relator dá parecer a favor de impeachment
"Em dado momento fiquei preocupado de Chico Leite levar o parecer para o lado político. Me causou grande alegria que ele não fez isso", afirmou o deputado Paulo Roriz (DEM), que foi secretário de Habitação do governo Arruda. Ele disse que deu a "mão à palmatória" ao parecer do petista. "Fico muito feliz porque o governador terá o prazo necessário para defesa que ele tanto espera", completou Roriz.
Para o distrital José Antônio Reguffe (PDT), Arruda deve ser investigado porque, se fosse um cidadão comum, sofreria um processo de investigação pelo Estado caso fosse acusado de ter cometido algum crime. "Brasília não pode ser sinônimo de corrupção e impunidade. As acusações são muito fortes. Houve desvio de dinheiro público e a sociedade brasileira não aceita mais impunidade", disparou o pedetista.
Para prosseguir, o processo precisa ser aprovado por dois terços dos deputados distritais. Se o conjunto dos deputados distritais decidir pela continuidade da análise, o governador terá 20 dias para apresentar sua defesa. Ele pode apresentar novas provas e solicitar a realização de diligências. Após Arruda se pronunciar, um novo prazo será dado, dessa vez ao relator da comissão especial. Ele terá dez dias para entregar sua decisão. Se for referendado pelos colegas, o parecer irá novamente a plenário.
O segundo relatório da comissão especial será levado então a plenário. Em votação nominal, os distritais vão decidir se haverá julgamento ou não. Para que o impeachment seja aprovado, é preciso que dois terços dos parlamentes - 16 - votem a favor do pedido de investigação. "Em caso de aprovação, o governador é afastado por 120 dias, com a suspensão do exercício das funções do acusado e da metade do subsídio ou do vencimento até sentença final", explicou o procurador da Câmara, Fernando Augusto Nazaré. A partir desse momento, mesmo se decidir renunciar, o processo não para.
Com o governador afastado do cargo, o processo segue outro rumo. Junto com o Tribunal de Justiça do DF (TJDF), é formado um tribunal especial, composto por cinco distritais, cinco desembargadores - escolhidos por sorteio - e presidido pelo presidente do poder Judiciário em Brasília. A partir do momento em que o tribunal é formado, abre-se vista ao processo por 48 horas para o acusador e para o acusado se manifestarem. Testemunhas podem ser apresentadas.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Rosalba se livra de processo no STF

A senadora Rosalba Ciarlini (DEM) está livre de processo que poderia tramitar no Supremo Tribunal Federal. Na tarde desta quinta-feira (25), a Corte retomou o julgamento sobre o recebimento de denúncia contra a então prefeita de Mossoró, referente a uma obra no estacionamento de supermercado da cidade em 2000.
Suspenso desde a semana passada, o julgamento sobre o recebimento da denúncia contra Rosalba só seria retomado com a volta dos ministros Erus Graus e Ricardo Lewandowski, que não compareceram à última sessão da Corte. Em debate estava a possibilidade de abrir processo contra a prefeita por ela ter permitido que a Prefeitura de Mossoró desembolsasse R$ 3.832,50 para a pavimentação do estacionamento do supermercado Mercantil Rebouças, em uma área asfaltada de 1.150 metros quadrados.
No entendimento dos dois ministros, que foram contra o recebimento da Assembleia, não houve prejuízo ao município nem a intenção, por parte de Rosalba, de cometer o crime. “Não está caracterizado o dolo típico da espécie”, disse Lewandowski, entendendo que a ação de Rosalba teve o objetivo de contribuir com a geração de empregos. “Também verifiquei que não se materializou prejuízo aos cofres públicos, houve, a meu ver, inclusive, vantagem e retorno em termos tributários”, completou Erus Grau.
Para o advogado Paulo de Tarso Fernandes, que defendeu Rosalba no caso, a rejeição da denúncia é uma ocorrência muito rara, porque o caminho natural é que uma denúncia do Ministério Público, e especialmente do procurador-geral da República, fosse admitida permitir a ampla defesa e a apresentação de provas. Contudo, a Corte do STF, na opinião do advogado, agiu certo ao não abrir um processo que geraria constrangimentos desnecessários e que não resultaria em condenação.
“Foi mais uma avaliação de conveniência. Neste caso, em cima deste fato, não houve má fá, desvio de dinheiro público, beneficiamento próprio, apropriação indébita,ou qualquer outra coisa. O dinheiro público sequer transitou, porque a obra foi realizada por funcionários da própria Prefeitura. Temos que aplaudir a decisão do STF, respeitando os votos divergentes, mas o mais conveniente foi evitar que se abrisse esse processo”, disse o advogado.
Além de Erus Grau e Ricardo Lewandoski, votaram contra o recebimento da denúncia os ministros Dias Toffoli, Elle Gracie, Gilmar Mendes e Carlos Ayres Brito. A favor, votaram Joaquim Barbosa, Cézar Peluzo, Marco Aurélio Mello e Cármen Lúcia. O ministro Celso de Mello, que está licenciado, não participou do julgamento.

O Rio Grande do Norte pode ganhar umas vagas na Camara Legislativa


Deputados federais representantes dos oito Estados brasileiros que poderão ver reduzido o número de representantes da Câmara e nas Assembleias Legislativas se posicionaram contra a proposta de resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que prevê a modificação do número de parlamentares.
Pela minuta de resolução do TSE, 10 vagas de deputado federal seriam cortadas dos Estados do Rio Grande do Sul (1), Paraná (1), Maranhão (1), Goiás (1), Pernambuco (1), Piauí (1), Rio de Janeiro (2) e Paraíba (2). As cadeiras seriam remanejadas para outros sete Estados: Pará (3), Minas Gerais (2), Amazonas (1), Rio Grande do Norte (1), Ceará (1), Bahia (1) e Santa Catarina (1).
A justificativa seria o crescimento da população em alguns Estados e a diminuição em outros. A resolução do ministro do TSE, Arnaldo Versiani, relator das regras das eleições deste ano, se baseia na estimativa populacional do IBGE de julho de 2009, sendo mantidos na proposta os limites constitucionais de número mínimo e máximo de representantes por Estado.
A medida está sendo interpretada pelos deputados federais dos Estados atingidos como inconstitucional. De acordo com Beto Albuquerque (PSB-RS), o princípio da anualidade estaria sendo desrespeitado pelo TSE caso a medida seja adotada agora, quando faltam apenas três meses para a realização das convenções partidárias.
De acordo com o artigo 45 da Constituição Federal, o número de representantes dos Estados na Câmara dos Deputados e Assembleias Legislativas deve ser definido por meio de lei complementar aprovada e publicada no ano anterior à eleição.O TSE promoveu uma audiência pública, na tarde de ontem, que coloca em discussão a minuta de resolução sobre o número de vagas de deputados federais na Câmara dos Deputados e de integrantes das Assembleias Legislativas nas eleições 2010.
A última vez que houve uma alteração desse tipo na composição da Câmara dos Deputados foi em 1994, quando São Paulo passou de 60 para 70 deputados. De resto, a Casa mantém a mesma composição estabelecida na Constituição de 1988.

Postado por Jean Carlos às 13:22 0 comentários

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Mensagem do Prefeito na Camara Municipal Ano 2010


O Prefeito Rogério Fonseca na leitura da Mensagem anual na Câmara Municipal de Umarizal, ontem dia 23 de Fevereiro de 2010, disse que retorna aquela Casa Legislativa com o sentimento de dignidade e responsabilidade, satisfeito pela sensação plena do bom cumprimento de seu papel de gestor público. Principalmente porque, tinha em sua consciência a certeza de que o poder, tal como a própria vida, é uma passagem pela qual temos que deixar a marca do melhor que possamos oferecer ao próximo.
Assim reafirmava, na presença daquele plenário, de encontro com Vossas Excelências Senhores Vereadores, que ali representavam legitimamente o povo, mas igualmente via a presença da sociedade umarizalense, levar a mensagem do nosso governo, que tem em sua base o alicerce da contribuição direta dos homens e mulheres deste município. Aqui espero expressar satisfatoriamente nossa prestação de contas e interpretar em nossas linhas de ações para o exercício de 2010 o mais sublime sentimento daqueles com quem mantemos a mais sincera parceria, o verdadeiro compromisso de confiança mútua: Aqui falamos particularmente do sentimento que escolhemos de cuidar da melhoria da qualidade de vida das pessoas.
Ao fazermos esta opção, cumprimos o ritual que permeia nossas atividades políticas: que é encarar dificuldades e vencer desafios. Foi para isso que se submeteu duas vezes ao julgamento popular nas urnas. E tendo sempre a confirmação democrática da população que lhe vez duas vezes prefeito deste município.
E Que queria renovadamente agradecer a Deus por lhe conceder a graça de trabalhar em prol do povo, lhe dotando de fé e perseverança, e tantas outras graças. Disso dou testemunho a todos, de que é somente pela graça de Deus que conseguimos superar tantas dificuldades que encontramos ao longo do ano de 2009, onde passamos apertos financeiros, reflexos da crise internacional econômica que nos causou perda de recursos, redução de salários, limitações nos serviços de assistência ao município e tantas outras dificuldades. Assim, mais uma vez agradeço e digo, somente pela graça de Deus que nos deu prudência para pudermos manter nossas finanças equilibradas e não deixarmos nossa população entregues a própria sorte. Podemos até não termos atendido a população em suas variadas demandas, mas somos tranqüilos e seguros de que não deixamos as ações essenciais pararem.
Somos convictos, e afirmo sem arrogância, nosso mandato jamais seria exercido em plena calmaria, pois os inúmeros erros herdados e as diversas dificuldades encontradas se fizeram presentes pela própria história de sua construção e pelos caminhos trilhados em sua extensão. Afinal, obstáculos são os perigos que vemos e vencemos no percurso dos que caminham com responsabilidade e retidão.
Senhores, enfrentar uma gestão com o sentimento de inovação e de desejo de construir verdadeiramente o desenvolvimento, são opções arrojadas que exigiram de nosso governo o trabalho redobrado para fazermos em diversos setores da administração pública o que a muito já deveria ter sido feito, mas que vinham a serem apresentados a população e lembrados apenas na hora do voto. Mas essa fase de nossa história já foi superada, pois sabemos sem nenhuma empáfia, que mudamos o modelo de gestão em nosso município e que serviremos para o futuro como modelo e referência de uma nova postura de governo.
Trazemos a público, o relato verdadeiro e as informações que comprovam que o Município de Umarizal melhorou, cresceu e avançou em todos os seus setores e especialmente na vida de sua gente.
Não somos alienados e tampouco seremos hipócritas de acharmos que tudo fizemos, mas faremos deste ato a oportunidade de apresentação de resultados, sem protocolos e sem pirotecnismo, apenas mostrando trabalho.
O Prefeito expôs ao presentes todas as ações realizadas ao logo desses 5 anos de seu governo nas áreas de:
SAÚDE
AGRICULTURA E RECURSOS HÍDRICOS,
INFRA ESTRUTURA:

EDUCAÇÃO:

TURISMO, CULTURA E DESPORTO:

HABITAÇÃO E ASSISTÊNCIA SOCIAL:

E Frisou que apresentava ao senhores era o resultado claro e inquestionável daquilo que não é vantagem para nós, mas sim, que é obrigação que possuímos no mister de nossas atribuições como gestores públicos.
Para o ano de 2010 apresentaremos todas as nossas pretensões administrativas, e desde então afirmo que estabeleceremos como meta a efetivação gradual do desenvolvimento sustentável, que vem agregado com o elemento essencial da co-responsabilidade. Como afirmou a nossa Governadora Wilma Maria de Faria em sua mensagem anual a Assembléia Legislativa, “Desenvolvimento sustentável é o caminho mais curto, é um atalho para que se assegure melhor qualidade de vida para todos”.
Para esse ideal tornar-se realidade temos que prioritariamente investir na infra estrutura urbana. Assim apresento aos senhores que já temos para o ano de 2010, assegurado pelo Governo Federal, através do Ministério do Desenvolvimento Agrário, a construção de uma Usina de Beneficiamento de Leite em nosso município, um investimento na ordem de R$ 591.520,00 do Governo Federal, com uma contra partida da Prefeitura Municipal no valor de R$ 29.576,00, somando um investimento de R$ 621.096,00. Esse empreendimento vem fortalecer o cooperativismo, a geração de emprego e renda, bem como a agricultura familiar, pois trabalharemos com produtores rurais e faremos girar a roda da economia com a confluência de investimentos de produtores de mais de 16 municípios da região que irão recorrer a nossa usina para a venda de suas produções.
Senhores Vereadores,
SAÚDE é um setor essencial, também objeto de muito debate nesta Casa no ano que passou. Mesmo reconhecendo as dificuldades nesta área, podemos observar que conseguimos avanços importantes. Investimos no ano de 2009 em Saúde, 21,84% do nosso orçamento, quando o exigido por lei é um percentual de 15%.
Somos certos de que não devemos tratar com pequenez quando se trata de aplicar recursos na saúde. Assim estamos executando a ampliação da Unidade de Saúde Dom Eliseu Mendes, que irá neste ano oferecer a população os serviços de Raio “X” e eletro cardiograma, e realizaremos também a construção de um novo laboratório.
Ainda nos referindo a Unidade de Saúde Dom Eliseu Mendes, afirmamos nossa garantia de que os serviços em saúde como atendimento médico, de enfermagem, fisioterapia, fonoaudiologia, odontologia, bioquímico e pediatria serão mantidos na mesma dinâmica que adotamos desde o inicio de nossa gestão. Garantiremos também os serviços de urgência e emergência, bem como os plantões noturnos e de 24 horas nos finais de semana.
Na área das novas conquistas no setor da saúde pública, implantaremos esse ano o Núcleo de Apoio à Saúde da família – NASF, que é uma nova equipe que dará suporte técnico ao Programa Saúde da Família – PSF, com a contratação de novos profissionais como: 02 Fisioterapeutas, 01 Nutricionista, 01 Psiquiatra, 01 Ginecologista/Obstetra, 01 Educador Físico.
Outra conquista será a implantação Academia Pública que irá oferecer a população os serviços de atividade física, volta para terceira idade, capaz de transformar os perfis de saúde/doença da população, e reduzir os riscos de hipertensão, diabetes e AVC, além de transformar os hábitos de sedentarismos, que acabam por promover a obesidade.
Quero anunciar aqui a confirmação de um compromisso antigo que temos com a comunidade do bairro São José (Rua Nova), que é a construção de uma Unidade Básica de Saúde naquele bairro, que já tem aporte financeiro no valor de R$ 200.000,00 só para a construção, já garantido pelo Ministério da Saúde.
A Secretaria Municipal de Saúde trabalhou durante o ano de 2009 a elaboração de projetos para a realização das reformas das unidades de saúde da zona rural. Esse ano garantiremos a melhoria estrutural de todas as unidade rurais, levando aquela população um serviço de qualidade.
E nessa oportunidade é que reforçamos a necessidade de que todos nos juntemos a oferecer a população umarizalense um serviço de saúde com qualidade, para isso esperamos juntamente com a Prefeitura Municipal, contar sempre com a parceria do Governo do Estado e convocamos também a APAMIU “Hospital Dr. Érico Onofre”, para que cada um cumpra o seu papel. Ninguém irá a lugar nenhum se os agentes públicos responsáveis não cumprirem o que determina o SUS.
Avançamos em ações importantes como a atenção ao idoso; o controle do câncer de colo do útero e de mama; Enfrentamos e reduzimos os índices de doenças como dengue, tuberculose, hepatite e AIDS.
A Saúde Pública permanecerá à frente em nossas metas, a exemplo do decurso de nosso governo, continuaremos a empregar esforços humanos e aplicar recursos financeiros para permitir ao cidadão umarizalense uma saúde diligente e digna.
EDUCAÇÃO é um setor de nosso governo que tratamos com total atenção, onde sabemos que ainda muito há pra se fazer. Daremos continuidade às ações que envolvem o Programa de Ações Articuladas da Secretaria de Educação, através do Plano de Desenvolvimento da Educação - PDE do Governo Federal, que engloba ações pedagógicas, melhoramento da infra estrutura física e tecnológica das escolas, objetivando o crescimento do IDEB (Índice de Desenvolvimento de Educação Básica).
Para esse ano, visando incentivar e beneficiar os alunos da rede municipal de ensino tomamos a decisão de oferecer gratuitamente o seu fardamento.
Para os professores da educação básica, damos nossa inteira garantia que encaminharemos ao Poder Legislativo Municipal o novo Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração do Magistério.
A área do TURISMO é um novo setor que decidimos fomentar em nossas linhas de ações. Pois é desse setor que possibilitamos meios para a projeção do nosso município em nível regional. Para isso iremos implementar políticas públicas que proporcionarão o fortalecimento do setor turístico no município, com nossa adesão a programas e projetos que possam tornar o município auto-sustentável.

Garantimos também nossa participação direta no apoio às atividades CULTURAIS como a realização de eventos populares como: Umarizal Fest, São João, Festa do Padroeiro, Emancipação Política e Revellion. Ainda na área da cultura, continuaremos nosso trabalho na manutenção: das Gincanas Cultuais, eventos dedicados aos artistas da terra, eventos religiosos, sarau poético, manhãs recreativas, dentre outras ações.

O DESPORTO sempre foi uma área priorizada em nosso governo, onde desde o primeiro momento efetivamos políticas de incentivo à prática desportiva. Nessa perspectiva garantimos a realização da 6ª edição do Campeonato Municipal de Futebol de Campo, bem como um torneio de futsal, aberto para todas as categorias. Anuncio para esse ano a concretização da construção da quadra poli esportiva no bairro Caraíbas.
HABITAÇÃO E ASSISTÊNCIA SOCIAL: Senhores Vereadores, a atenção dispensada às ações da habitação e assistência social não estão atreladas exclusivamente a uma ação de governo. Por uma questão de princípios, sempre pautamos as metas de nosso governo nessa área, visando a luta em defesa dos mais carentes.
Para enfrentar o déficit habitacional nos dedicando exaustivamente para implantar nesse ano um arrojado projeto habitacional no âmbito municipal, que venha atender tanto ao cidadão da zona urbana quanto na zona rural. Estamos dando consistência a um avançado projeto que através do Programa Minha Casa, Minha Vida e Pró Moradia, realizará a construção e melhorias habitacionais.
Dentro do limites financeiros de nosso governo, priorizaremos ainda mais a assistência aos direitos do cidadão, com atenção sempre voltada a defesa dos direitos da criança e do adolescente, ao idoso, a mulher, bem como aplicação de meios técnicos que venham fortalecer a geração de emprego e renda, a inclusão social e a melhoria da qualidade de vida.
A IFRA ESTRUTURA será outra grande meta a ser observada com o carinho de nossa gestão, onde daremos continuidade ao significativo projeto de urbanização de nossa cidade, com a pavimentação de diversas ruas de nossa cidade, uma realidade que já é presente e reconhecida com uma das grandes marcas de nosso governo, dando qualidade a nossa cidade e a sua gente.
Iremos viabilizar mais um projeto que proporcionará qualidades positivas ao resgate do centro de nossa, onde já temos garantido pelo Governo Federal, através do Ministério do Turismo recursos financeiros para a construção de mais uma praça em nossa cidade, a “Praça dos Moto Taxistas”, a ser construída no local do antigo barracão, que por falta de amor a esta terra fora demolido pela determinação irresponsável de quem já passou pela cadeira de prefeito municipal. Serão aplicados R$ 136.000,00 do Governo Federal e R$ 3.000,00 de contra partida da Prefeitura Municipal.
AGRICULTURA:

Inicialmente quero lembrar a figura estimada de nosso companheiro Raimundo Juviano, que deixou em nossa equipe uma lacuna que será insubstituível. Ele conquistou a todos nós com a sua forma simples e comprometida de desempenhar suas funções como secretário. Ele nos deixou um testemunho de um homem leal a seus ideais e firme em sua forma de se posicionar em defesa dos interesses da classe a que representava, dando sua alma pela causa dos movimentos populares.

Na área da AGRICULTURA E RECURSOS HÍDRICOS, manteremos nossa atenção ao aprimoramento de nossas linhas de ação junto ao homem do campo e a agricultura familiar. Estamos deixando a marca da gestão que mais buscou parcerias para atividade vinculadas ao setor da agricultura e de recursos hídricos, como realização de projetos de perfuração, recuperação e instalação de poços tubulares. Buscaremos todos os parceiros públicos para a manutenção de efetivação de empreendimentos que venham proporcionar o fortalecimento da agricultura familiar. Garanto também a todo produtor rural nossos esforços em atender indiscriminadamente a todos com o corte de terra para o plantio.

Quero deter-me agora em falar sobre um projeto que nos comprometemos desde o início de nossa gestão. Refiro-me a construção do novo abatedouro público. Desde o ano de 2005 conseguimos recursos para a realização desse projeto, só que, após uma re-análise no projeto que possuíamos, constatamos a inviabilidade técnica-financeira para sua execução dessa obra, onde assim por uma atitude lúcida de nosso governo resolvemos devolver a União os recursos adquiridos. Mas não ficamos inertes perante esse problema que é real e necessário ao município. Conseguimos junto ao Ministério de Desenvolvimento Agrário, recursos na ordem de R$ 363.971,07, com uma contra partida da prefeitura no valor de R$ 40.441,23, se somando um valor de R$ 404.412,30 para a construção da Unidade Didática de Processamento de Carne, que seguirá toda infra estrutura padronizada pelo Ministério da Agricultura, bem como contará com toda uma equipamentação moderna para o abate de animais.

Desejamos continuar parceiros do homem do campo, contando sempre com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e com as Associações Rurais, para que assim tenhamos as condições suficientes para servirmos à zona rural de nosso município.
FUNCIONALISMO:
Aqui peço licença para dirigir-me aos servidores do município. Em meio a todas as dificuldades encontradas, ao longo desses 05 anos de gestão conseguimos manter um dos compromissos mais sérios de nosso governo, que foi a garantia rigorosa do pagamento em dia dos seus vencimentos. Mesmo diante dos efeitos perversos da crise financeira que ainda nos atemoriza, conseguimos manter garantido o direito ao funcionário público municipal de manter suas famílias e especialmente de manter a sua honra.
A garantia de pagamento aos fornecedores também foi outro aspecto respeitado por nós como um sacramento, pois temos em nossa responsabilidade de gestores o dever de manter à credibilidade do município, coisa que deveria ser sagrada, mas, que em algum momento de nossa história foi colocada irresponsavelmente e descrédito.
Senhores Vereadores,
Quero aqui na presença de Vossas Excelências, ressaltar a importância da preservação da relação harmoniosa entre os poderes. Não apenas entre o Executivo e o Legislativo, mas também com o Judiciário.
Senhoras e Senhores Secretários Municipais,
Minhas senhoras, meus senhores,
Decididamente, o ano de 2010 será dedicado com exclusividade à administração. A fiscalização de nossas obras, a cobrança de agilidade e eficiência aos auxiliares, a consolidação dos projetos que melhorem a vida do nosso povo.
E aqui garanto a todos os umarizalenses: O nosso comportamento será o mesmo que pautamos ao longo de nosso governo: tratar com respeito o dinheiro público, exercendo uma gestão democrática e que proporcione o desenvolvimento de nosso município e a qualidade de vidas de nossa gente.
O que oferecemos de mais certo a todos é que caminharemos para a vitória na consolidação de uma Umarizal cada vez mais feliz e próspera. Levaremos às ruas, não o discurso eleitoreiro, mas o legado de um trabalho voltado para todos.
Agradeço especialmente nesta solenidade a Governadora Wilma de Faria e ao Presidente Lula pela parceria leal com o povo umarizalense. Faço isto por admiração e reconhecimento às essas figuras que honram a vida pública, e assim desejo merecidamente render-lhes homenagem agora no final de seus governos que são divisores de água no transcurso histórico-político de nosso país e de nosso estado. Para obtermos a mudança impactante que realizamos em nossa cidade, contamos sempre a colaboração diligente desses dois grandes parceiros, e já recebi do Vice Governador Iberê Ferreira a afirmação de que tratará o Município de Umarizal com o mesmo zelo e respeito que já vem sendo tratado.
Faremos em 2010 uma Umarizal que mais do nunca em qualquer momento será referência de cidade líder na nossa região. Com as bênçãos de Deus e com os nossos corações e mentes cheios de dedicação e coragem e com o apoio popular faremos um grande ano de atividades e projetos.
Senhores Vereadores, Secretários Municipais e toda população, faço uma convocação: Convido a todos para juntos nos unirmos mais e mais em prol de nossa Umarizal.
Muito obrigado e que Deus nos abençoe sempre.




JOSÉ ROGÉRIO DE SOUSA FONSÊCA
PREFEITO MUNICIPAL

Discurso do Vereador Washington Sales na abertura do Ano Legislativo 2010


Excelentissimo Sr. Prefeito Rogerio Fonseca

Excelentissimo Sr. Presidente desta casa
Funcionários desta casa
Meus Colegas Vereadores

Meus Senhores e Minhas Senhoras

Retornamos hoje nossos trabalhos nesta casa, após vários dias de recesso voltamos com o desejo de cada vez mais continuar trabalhando para o desenvolvimento do nosso municipio, porque aqui é a nossa casa, pois aqui debatemos, discutimos e votamos. Aqui somos sua voz e seu defensor, mais também temos a responsabilidade de votar consciente, de termos nossas ideais e nossos conceitos, para que sejamos juntos no destino da nossa cidade.

E também temos a missão de fiscalizar os atos do executivo, mesmo sendo do partido da base do governo jamais vamos nos omitir de cumprir o nosso papel de homem publico.

Às vezes ficamos triste, pois esta casa é pouco freqüentada, talvez porque achem que este poder não trabalha, ou ate mesmo não tem significância nenhuma. Mais quero aqui lembrar que no longo deste ano de 2009, encaminhamos vários ofícios de solicitações e informações a diversos órgãos, tanto da administração municipal, estadual e federal, aprovamos inúmeros requerimentos e quase na sua totalidade por unanimidade, aprovamos também 12 projetos de Lei que foram sancionados pelo poder executivo, e deste 3 que considero as peças fundamentais que foram a LDO, PPA e LOA, que através deles foram traçados os rumos da nossa cidade.

E com certeza aprovaremos mais neste ano de 2010, e entre eles Reformulação do Plano de Carreira do Magistério, que com certeza há inda votaremos esse ano, pois sabemos que já avançamos muito nessa discursão, pois dos 78 artigos 90% já estão acordados com a classe.

E queria aqui senhor presidente parabenizar o Prefeito Rogério Fonseca pela forma democrática e transparente como trata as questões publicas, sem medo de encarar os desafios da missão, e foi dessa forma que conseguiu junto com o legislativo um consenso nas discussões salariais dos professores do nosso municipio, sabemos que não foi o que mereciam, mais foi o que podia oferecer, e foi nessa consciência que chegamos ao um acordo.
Sabemos que é uma luta digna, e nosso papel como legislador foi trabalhar para chegar a esse consenso, pois em conquistas é necessário que cada um saiba ceder um pouco para chegar a um consenso, isso vale para todo na vida, em qualquer que seja a situação devemos sempre saber escutar, analisar, entender e também ceder.

Como sempre frisei nesta casa não podemos ter medo de encarar os desafios, não podemos nos esconder diante das questões, devemos sempre temos a obrigação de participarmos de todos os debates, de conhecermos cada matéria, procurar entender para poder votar com convicção e na certeza que estar cumprido seu papel, não adianta apenas criticar, tem que conhecer para juntos encontrarmos uma saída.

E podemos ver aqui na mensagem do Prefeito nesta o quanto foi feito pelo nosso municipio ao longo desses anos, e tenho certeza que quando cada um de nós ao andar pelas ruas da nossa cidade da pra perceber o quanto nossa cidade estar um canteiro de obras, podemos dizer também que temos médicos 24 horas, que temos assistência um saúde de melhor qualidade, que a educação melhorou, que os programas sociais avançaram, que o desenvolvimento cultural e esportivo cresceu, que as finanças estão equilibradas, que o homem do campo tem vez, mais também temos a convicção que ainda falta muito.

Meus nobre colegas vereadores queria também dizer a vossas excelências que aprendi muito com vocês, que juntos, discutimos e votamos matérias sempre convictos do nosso papel deixando de lado as divergências políticas partidárias, porque somos representantes do povo e nosso papel e legislar para o povo.

Sr. Presidente, queria dizer a vossa excelência que continue a administrar essa casa das mesma forma como administrou no primeiro ano da sua gestão, pois foi assim que conquistou todos nós vereadores desta casa, e desejar sucesso na condução dos trabalhos nesse primeiro período legislativo de 2010.




A todos um abraço fraterno e sempre esteja aqui no plenário desta casa, participando das nossas discussões e vendo o que cada vereador estar fazendo para nossa cidade e que o grande arquiteto do universo proteja a todos vocês , pois estamos precisando de muita paz e amor, que todos os irmãos se unam na busca da solidariedade, da humildade, da relevância e do amor ao próximo.



Vereador Washington Sales - PSB - Umarizal - Rn

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Reativação da Telebrás beneficiará ‘cliente’ de Dirceu

Sob Lula, o governo promete reativar a Telebras, estatal que geria a rede de telefônicas privatizadas na era FHC.

O negócio interessa vivamente a um cliente do deputado cassado José Dirceu, réu no processo do mensalão e recém-reconduzido à direção do PT.

Dirceu foi contratado por um grupo empresarial que será o principal beneficiário da eventual ressurreição da Telebras.

O ex-mandachuva da Casa Civil já recebeu, a título de consultoria, pelo menos R$ 620 mil, informam os repórteres Marcio Aith e Julio Wiziack, na Folha.

A cifra foi desembolsada, entre 2007 e 2009, por um empresário chamado Nelson dos Santos.

Ele é dono da logomarca Star Overseas, com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, um paraíso fiscal do Caribe.

Em 2005, Nelson dos Santos comprara, na bacia das almas, 49% de uma empresa chamada Eletronet. Pagou um valor simbólico: R$ 1.

Com a reativação da Telebras, Santos pode sair do negócio com notáveis R$ 200 milhões. Por quê?

Falida, a Eletronet possui entre seus ativos 16 mil km de cabos de fibra óptica, ligando 18 Estados brasileiros.

Embora valiosa, a mercadoria não cobria as dívidas da empresa, avaliadas em R$ 800 milhões.

Depois do contrato firmado entre Nelson dos Santos e José Direceu, o governo decidiu utilizar as fibras ópticas da Eletronet na “nova” Telebras.

A Viúva dispôs-se a assumir sozinha a caução judicial necessária à liberação da rede de fibras, que serve de garantia a credores da Eletronet.

Em discurso feito no Rio, em julho do ano passado, Lula referiu-se publicamente à transação. Não mencionou nem Dirceu nem o cliente dele. Mas citou a Eletronet:

"Nós estamos brigando há cinco anos para tomar conta da Eletronet, que é uma empresa pública que foi privatizada, que faliu, e que estamos querendo pegar de volta".

Dirceu também tratou do tema em artigos que veiculou em seu blog e no jornal “Brasil Econômico”, do qual é articulista.

Em seus textos, o ex-ministro não menciona o nome de seu cliente. NO blog, Dirceu começou a tratar do tema em março de 2007, mês em que foi contratado por Nelson dos Santos.

Num das mensagens levadas ao blog, Dirceu anotou: "Do ponto de vista econômico, faz sentido o governo defender a reincorporação, pela Eletrobrás, dos ativos da Eletronet...”

“...Uma rede de 16 mil quilômetros de fibras ópticas, joint venture entre a norte-americana AES e a Lightpar, uma associação de empresas elétricas da Eletrobrás".
Procurado, José Dirceu preferiu não comentar. Sua assessoria limitou-se a dizer o seguinte:

"Se, por ventura, o ex-ministro tivesse dado consultoria ao sr. Nelson dos Santos, não poderia confirmar, por cláusula de confidencialidade, comum a contratos de consultoria".

Ouvido, Nelson dos Santos confirmou ter feito pagamentos à empresa de Dirceu, a Consultoria JD.

Disse que a firma de Dirceu “nunca foi contratada para fazer qualquer intermediação de negócios ou serviços relacionados a transações específicas".

Fazia o quê? Segundo o empresário, realizava projeções do cenário político e econômico brasileiro e latino-americano.

Ainda de acordo com Nelson dos Santos, o contrato que o uniu a Dirceu vigorou de março de 2007 a outubro de 2009.

Disse, por e-mail, que os pagamentos feitos a Dirceu constam de notas fiscais e foram devidamente contabilizados.

Informou que desembolsou R$ 20 mil por mês. Considerando-se o prazo de vigência do contrato, foram à caixa registradora da consultoria de Dirceu R$ 620 mil.

No último sábado (20), José Dirceu desfilou seu prestígio pelo Congresso do PT, o encontro que aclamou Dilma Rousseff como presidenciável do partido.

Em entrevista, o ex-ministro declarou que vai participar da campanha de Dilma. “Às claras”, ele disse. “Meu tempo de clandestinidade acabou”.

Referia-se não aos negócios, mas à sua fase guerrilheira, durante a qual, sob ditadura militar, teve de retornar ao Brasil, procedente de Cuba, sob disfarce.

Nesse período, a única confidencialidade que interessava a José Dirceu preservar era sua identidade política.

Escrito por Josias de Souza às 08h21

Marcia Maia tem nome cotado ser Vice de Iberê


O nome da deputada Márcia Maia (PSB) tem sido lembrado como uma opção para compor chapa com o vice-governador Iberê Ferreira de Souza (PSB).
Na semana passada, durante a leitura da mensagem anual da governadora Wilma de Faria (PSB) na Assembleia Legislativa, o nome da parlamentar foi mencionado como um nome que poder ser apresentado para a formação de uma chapa majoritária 'puro sangue' no governismo.
O próprio Iberê Ferreira considerou o nome da deputada estadual Márcia Maia forte e competitivo para a disputa eleitoral deste ano.
De acordo com o próprio vice-governador, as definições só acontecerão depois de maio, mas mesmo assim, ele vem se articulando nos bastidores no sentido de fechar a chapa majoritária, inclusive conversando com líderes partidários.
Outro nome que chegou a ser lembrado, inclusive por sugestão da governadora Wilma de Faria é o da advogada Fernanda Maia que é esposa do presidente do Partido da República (PR) no Rio Grande do Norte, deputado federal João Maia.
No início das discussões em torno do processo sucessório ficou decidido que caberia ao PR indicar o nome do companheiro de chapa de Iberê Ferreira.
Apesar de não ter participação direta em campanhas políticas, Fernanda Maia tem acompanhado o deputado federal João Maia nas últimas reuniões políticas no Estado.

Postado por Jean Carlos às 13:36 0 comentários

Garibaldi Alves disse que não ver condições de apoiar Carlos Eduardo Para o Governo

O senador Garibaldi Alves Filho (PMDB) confirmou que não há mais como modificar o seu posicionamento em relação ao apoio à candidatura dos Democratas nas eleições deste ano.



Entrevistado pelo jornalista Diógenes Dantas no programa Jornal da 96 (96-FM/Natal), o parlamentar foi questionado em relação à postulação do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT) que tem se apresentado como postulante ao Governo do Estado no pleito deste ano.



"A esta altura não há como mudar porque se nós tivéssemos tido a confirmação da candidatura dele antes, poderia até ser", acrescentou.



Ele disse ter apreço, estima e respeito por Carlos Eduardo Alves, mas afirma que a sua ligação com o deputado federal Henrique Eduardo Alves é muito forte e antiga.



"Sem a parceria de Henrique complicaria tudo", disse o parlamentar assinalando que essa será a primeira eleição em que estará separado do primo e deputado federal, pelo menos em relação à disputa pelo Governo do Estado.



Quanto a problemas familiares por não apoiar a pré-candidatura de Carlos Eduardo, Garibaldi Filho lembra que a união da família Alves era muito forte quando o ex-ministro Aluízio Alves era vivo.



Garibaldi admitiu que a tendência é de que se faça uma dobradinha quase que natural com o senador José Agripino (DEM).



O parlamentar argumenta que vai percorrer o Rio Grande do Norte ao lado do dirigente maior dos Democratas no Estado.


"Nós não podemos nos separar. Será uma coisa natural, mesmo que não haja uma coligação formal", revela o senador.



Postado por Jean Carlos às 13:31

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

CHAPAS PARA ELEIÇAO 2010










CHAPA 3:Governo: IBERÊ FERREIRA DE SOUSA
Vice-Governador: ?
Senadores: WILMA FARIA E ?










CHAPA 2:Governo: CARLOS EDUARDO ALVES
Vice-Governador: ÁLVARO DIAS
Senadores: SÁVIO HACKRADT E GARIBALDI ALVES




CHAPA 1:Governo: ROSALBA CIARLINI
Vice-Governador: ROBSON FARIAS
Senadores: JOSÉ AGRIPINO E GARIBALDI ALVES
Apenas a chapa governista ainda não está fechada.Garibaldi aparece como candidado ao senado em duas chapas.***
Fotos e Fonte: Blog do Wallace
O Vereador Washington Sales disse que as definições politicas do nosso Estado, estão cada vez mais concretizadas, e já podemos ver os partidos polticos tomando seus rumos, e que com certeza logo os grupos politicos de Umarizal também definiram seus candidatos.

Kassab diz que não teme perder o mandato


O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), disse na manhã deste domingo (21) que não teme a perda do madato. Kassab e sua vice-prefeita, Alda Marco Antonio (PMDB), e alguns vereadores e suplentes tiveram o mandato cassado pelo juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, Aloísio Sérgio Resende Silveira. "Não temo perder [o mandato]. Estou realmente confiante na Justiça como sempre confiei e volto afirmar a certeza de que tudo foi feito corretamente", disse o prefeito, de acordo com a Agência Brasil, ao visitar um centro esportivo da prefeitura em Tatuapé, na Zona Leste de São Paulo.
O prefeito disse também que suas contas de campanha foram aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). E acrescentou que, ao recorrer da decisão, os advogados terão mais uma vez a chance de comprovar a lisura dos dados de 2008. "Essa ação [de receber doação de empresas ligadas a concessionárias do governo] já foi adotada com relação a outros candidatos e foi suspensa. Nossa confiança é de que a Justiça dê o mesmo encaminhamento", afirmou.

Em nota divulgada hoje, a defesa de Kassab disse que a decisão do juiz da 1ª Zona Eleitoral causa "insegurança jurídica". Para os advogados, "tese citada pelo juiz em sua sentença foi derrotada pelo TSE desde 2006, o que, por si só, recomendaria acatamento pelas instâncias inferiores". A determinação do magistrado será publicada na próxima terça-feira (23). A cassação do prefeito vale oficialmente após esse ato formal. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, perícia contábil da Justiça Eleitoral apontou que 33% dos recursos arrecadados pelo prefeito no último pleito municipal tiveram origem em fontes de contribuição consideradas ilegais pelo Ministério Público.

A cassação de Kassab pela Justiça Eleitoral é mais um problema a afetar o DEM desde o fim de novembro. Após a revelação feita pela Operação Caixa de Pandora no Distrito Federal, que culminou na prisão do governador José Roberto Arruda (Ex-DEM, agora sem partido), a legenda entrou no meio de um furacão.
Porém, ao contrário de Arruda, o prefeito da maior cidade do país recebeu apoio dos principais integrantes do partido. "Estamos 100% tranquilos com relação às contas da campanha. Está claro que as doações foram legais e aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral. Tenho certeza que o TRE vai reformar a decisão", afirmou o presidente nacional do DEM, deputado Rodrigo Maia (RJ), à Agência Estado.

Já o deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) afirmou que o "clima é de perseguição". "É apenas para gerar manchetes negativas. Depois o TSE reforma tal decisão e o estrago feito?", questionou o parlamentar em seu perfil no Twitter. Assim como os advogados de Kassab, ele acredita que a decisão gera insegurança jurídica. "Quando uma instância inferior vai contra uma superior, o que pensar?", disse.
Ele lembrou que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou um similiar contra o presidente Lula, mas negou. "O momento no país é de insegurança jurídica, perseguição. Lema de Lula: "Aos amigos, as benesses da lei. Aos inimigos, o total rigor dela", completou.

fonte : congresso em foco.

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Tudo sobre o Twitter: passo a passo ensina a usar melhor esse hit da internet

Do que são capazes 140 caracteres? É pouco texto, mas o suficiente para transmitir, além de toda sorte de piadinhas e futilidades, mensagens ágeis e importantes – no terremoto do Haiti, nas eleições do Irã, ou na falta de energia elétrica no Brasil, mesmo a partir de telefones celulares. O Twitter, serviço de microblog que virou hit no ano passado, amadureceu e já ganhou a confiança de muitas cabeças pensantes na internet brasileira – tanto que nós, brasileiros, já somos a segunda maior população entre os que usam o serviço (com 8,59% de participação, estamos atrás apenas dos americanos, presença maciça de 50,88% dos tuiteiros). Em junho do ano passado éramos apenas 2% dos usuários da rede social. Mesmo assim, ainda há muitos que resistem à ferramenta.
E o pior é que as justificativas são efetivas: a verdade é que o Twitter não é tão intuitivo assim. Na prática, o microblog pode funcionar como MSN Messenger (quando você conversa com seus amigos, se todos estiverem on-line, as respostas são rápidas), o Orkut (quando é possível rastrear as conversas com o nobre objetivo da fofoca na rede social), o Blogger (quando as suas ideias são expostas para o mundo, sem edição ou censura), mas o conceito de interação é radicalmente diferente dessas ferramentas já enraizadas nos hábitos digitais de muita gente. Por isso, trazemos nesta edição do Informátic@, um guia que resolve todas as dúvidas essenciais de quem vai se arriscar nos seus primeiros tuíts.
Em ano eleitoral no Brasil, a ferramenta desponta como arma poderosa para cada um dizer o que pensa, defendendo ideias e candidatos – vale lembrar que grande parte do boom em torno do Twitter se deve ao uso estratégico das tuitadas na campanha de Barack Obama à Presidência dos Estados Unidos. É claro que a transposição de estratégias não faz sentido, já que, essencialmente, o Twitter está em constante transformação. Mas agora, mais que nunca, saber do que se trata e conhecer bem a ferramenta é fundamental para se manter bem informado.
Confira abaixo um guia para usar o Twitter
Como tuitar usando o celular? Como incrementar seus tuíts com fotos e vídeos? Como usar hashtags? O que significa o @? O que são TTs e DMs? Este guia traz tudo o que você precisa saber para perder o medo e começar a tuitar
PARA INTERAGIR
Esta é a página inicial do Twitter, sua Home. Conheça os principais elementos de interação e saiba como tirar o melhor proveito de cada um Clique aqui para ampliar
1- ENCONTRAR PESSOAS A partir daqui, é possível encontrar pessoas ou instituições para seguir.
2 - CONFIGURAÇÕES Em Settings, é possível alterar seu nome de usuário, de exibição, um endereço de site pessoal, uma breve biografia, sua localidade e até mesmo proteger seus tuíts (se preferir essa opção, cada novo seguidor dependerá de sua aprovação e as mensagens ficam bloqueadas para os demais). Também é aqui o espaço para trocar a senha, o seu avatar, as cores e a imagem de fundo de sua página.
3 - FOLLOWERS E FOLLOWING No Twitter, seus contatos são classificados entre as pessoas que o seguem (seus Followers) e pessoas que você segue (na sua lista Following). O que você escrever vai parar na Home dos seus seguidores. E o que as pessoas que você segue escreverem vai parar na sua Home.
4 - LISTAS Para organizar contatos, o Twitter permite a criação de listas. Clicando aqui, aparecem as listas em que você está, criadas por seus seguidores.
5 - CAIXA DE TEXTO Aqui é o espaço para escrever as mensagens. Repare que existe uma contagem regressiva de caracteres (que não podem passar de 140). Clicando em Update, seu tuít será publicado.
6 - PERFIL Clicando aqui você vai ver sua página pessoal, como ela aparece para quem visita seu endereço www.twitter.com/seunome, com todos os seus tuíts.
7 - AJUDA Dúvidas ou problemas? O Twitter o ajuda aqui (somente em inglês, espanhol, italiano e alemão).
8 - SAIR É importante clicar aqui toda vez que for parar de usar o Twitter, especialmente em computadores públicos, para evitar que sua conta seja usada por outros.
9 - MENSAGENS DIRETAS Quer dizer algo para alguém, mas não quer que os outros fiquem sabendo? Mande uma Direct Message (DM) por aqui.
10 - @ Toda vez que fizer menção ao nome de usuário de alguém precedido por @, em algum tuít, a mensagem será encaminhada para a pessoa citada. Para ver as vezes que você foi mencionado, é só clicar aqui.
11 - RESPONDER Clicar nesta setinha abre caminho para responder ao tuít de alguém. Repare que a mensagem já vai começar automaticamente com o @ e o nome do usuário para quem você deseja encaminhara a resposta. Se o @... inicia a mensagem, só as pessoas que seguem tanto você quanto a pessoa citada terão acesso direto ao conteúdo. Lembrando que se seus tuíts forem públicos, toda vez que alguém acessar o seu perfil poderá ver tudo que você escreveu.
12 - RETUITAR Este botão permite repassar, aos seguidores, alguma mensagem que você julgar interessante. O Twitter permite fazer isso automaticamente, mas essa opção exclui a possibilidade de você adicionar algum comentário particular (que é sempre mais divertido). Por isso, a melhor maneira de retuitar alguém é à moda antiga: copiando o que a pessoa escreveu e dando os devidos créditos, colocando, na frente um RT: @onomedapessoa e a mensagem dela.
Por Frederico Bottrel, do Estado de Minas

PARTE DA ENTREVISTA DE DILMA A REVISTA EPOCA

- John Maynard Keynes, que a senhora admira, dizia alguma coisa equivalente a "se a realidade muda, eu mudo minhas convicções". Como sua visão de mundo mudou com o tempo e com a experiência de ajudar a governar um país?
O Brasil superou uma ditadura militar e está consolidando sua democracia. A realidade mudou, e nós com ela. Contudo, nunca mudei de lado. Sempre estive ao lado da justiça, da democracia e da igualdade social.

- Henry Adams, outro autor que a senhora lê com assiduidade, escreveu que "conhecer a natureza humana é o começo e o fim de toda educação política". A senhora acredita que conhece o bastante da natureza humana, em especial a dos políticos, mesmo sem ter disputado eleições antes?
Conheço bem o pensamento de Henry Adams para saber que nessa citação ele se refere à política no seu sentido amplo. Falando no sentido estritamente eleitoral da sua pergunta, acredito que minha experiência de mais de 40 anos de militância política e gestão pública permite construir um relacionamento equilibrado com as diferentes forças partidárias que participarão desse processo eleitoral.

- Os brasileiros trabalham cinco meses do ano para pagar impostos, cuja carga total beira 40% do PIB. Em uma situação dessas, faz sentido considerar a ampliação do papel do estado na vida das pessoas, como parece ser a sua proposta?
O que defendemos é a recomposição da capacidade do Estado para planejar, gerir e executar políticas e serviços públicos de interesse da população. Os setores produtivos deste país reconhecem a importância da atuação equilibrada e anticíclica do Estado brasileiro na indução do desenvolvimento econômico. Sem a participação do estado, em parceria com o setor privado, não seria possível construir 1 milhão de casas no Brasil.

- Não fosse a necessidade de criar slogans e conceitos de rápida assimilação popular nas campanhas, seria o caso de superar esse debate falso e improdutivo sobre "estado mínimo" e "estado máximo", correto? Afinal, ninguém de carne e osso com cérebro entre as orelhas vive nesses extremos fundamentalistas. Qual o real papel do Estado?
Nos sete anos de nosso governo, ficou demonstrado o papel que vemos para o Estado: induzir o desenvolvimento dos setores produtivos, priorizar os investimentos em infraestrutura em parceria com o setor privado, fortalecer e impulsionar a pesquisa e o desenvolvimento científico-tecnológico, assegurando ganhos de produtividade em todos os setores econômicos. Modernizar os serviços públicos buscando responder de forma eficaz às demandas da população nas áreas da saúde, educação, segurança pública e demais direitos da cidadania. Chamo atenção para a comprovada eficácia dos programas que criamos. O Bolsa Família, o Luz para Todos, o Programa Minha Casa Minha Vida, as obras de saneamento e drenagem do PAC, entre outros, produziram forte impacto na melhoria de vida da população e resultaram também no fortalecimento do mercado interno. Finalmente, gostaria de destacar o papel do setor público diante da crise recente, o que permitiu que fôssemos os últimos a entrar e os primeiros a sair dela. Garantimos crédito, desoneração fiscal e liquidez para a economia.

- O presidente Lula soube manter aceso o debate ideológico no PT, mas rejeitou todos os avanços dos radicais sobre o governo. Como a senhora vai controlar o fogo dos bolsões sinceros mas radicais do seu partido - em especial a chama da censura à imprensa e do controle estatal da cultura?
Censura à imprensa e controle estatal da cultura estão completamente fora das ações do atual governo, como também de nossas propostas para o futuro.

- O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso definiu a senhora como uma lua política sem luz própria girando em torno e dependente do carisma ensolarado do presidente Lula. Como a senhora pretende firmar sua própria identidade?
Não considero apropriado discutir luminosidade com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

- A oposição certamente vai bater na tecla da personalidade durante a campanha, explorando situações em que sua versão de determinados fatos soaram como mentiras. Como Otto von Bismarck, o chanceler de ferro da Alemanha, a senhora vê lugar para a mentira na prática política?
Na democracia não vejo nenhum lugar para a mentira. Como já disse em audiência no Congresso Nacional, em situações de arbítrio e regimes de exceção, a omissão da verdade pode ser um recurso de defesa pessoal e de proteção a companheiros.

- Qual o perfil ideal de vice-presidente para compor sua chapa?
Um nome que expresse a força e a diversidade da nossa aliança.

- O presidenciável Ciro Gomes, aliado do seu governo, afirma que a aliança entre o PT e o PMDB é um "roçado de escândalos semeados". A senhora não só defende essa aliança como quer o PMDB indicando o vice em sua chapa. Não é um risco político dar tanto espaço a um partido comandado por Renan Calheiros, José Sarney e Jader Barbalho?
Não se deve governar um país sem alianças e coalizões. Mesmo quando isso é possível, não é desejável. O PMDB é um dos maiores partidos brasileiros, com longa tradição democrática. Queremos o PMDB em nossa aliança.

- O Brasil está cercado de alguns países em franca decomposição institucional, com os quais o presidente Lula manteve boas relações, cuidando, porém, de demarcar as diferenças de estágio civilizatório que os separam do Brasil. Como um eventual governo da senhora vai lidar com governantes como Hugo Chávez ou Evo Morales?
Lidaremos com responsabilidade e equilíbrio com todos os países, respeitando sua soberania e sem ingerência em seus assuntos internos. É esse, também, o tratamento que exigimos de todos os países, em reciprocidade.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Lula pode abrir mão de campanha no RN neste ano

No atual cenário político do Rio Grande do Norte, o presidente Lula não virá ao Rio Grande do Norte durante a campanha eleitoral. Nesta sexta-feira (19), em evento que ocorreu no Mato Grosso do Sul, o petista afirmou que não participará da campanha em estados onde houver mais de um palanque de partidos aliados – que é o caso do Rio Grande do Norte.
O vice-governador Iberê Ferreira de Sousa (PSB) já está com a candidatura consolidada e declarou reiteradas vezes que apoiará a candidatura da ministra Dilma Rousseff, sem cogitar a possibilidade que o seu partido, o PSB, lance Ciro Gomes como nome para a sucessão de Lula. Além do candidato do PSB, o PDT também afirma que mantém seu candidato, o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves.
O presidente do PDT afirmou diversas vezes que não discute a possibilidade de ser candidato a vice-governador e que sua candidatura à sucessão de Wilma de Faria está mantida, com o aval da direção nacional pedetista. Caso o cenário atual se mantenha, Lula não estará no estado.
“Se em algum estado não tiver possibilidade de construir aliança política o que vai acontecer é que o presidente da República não participa da campanha naquele estado, por que não acredito muito na história de dois palanques, não é possível que uma pessoa possa vir a um estado e fazer um palanque aqui e outro ali”, disse o presidente.
Em 2008, durante a campanha para a Prefeitura do Natal, Lula disse que estaria no Rio Grande do Norte de novo em 2010 com um objetivo principal: derrotar José Agripino. Na ocasião, Lula estava ladeado por Wilma de Faria e Garibaldi Filho, candidatos ao Senado neste ano e que disputarão as vagas com o próprio Agripino. A tendência, no entanto, é que o presidente deixe de lado a candidatura de Garibaldi, que decidiu apoiar Rosalba Ciarlini (DEM) para o governo.
O vereador Washington disse que em seu comentario sobre essa materia que cabe ao Presidente da Republica saber lidar com essas questões, porque o mais importante para ele sao as alianças para poder eleger Dilma Presidente.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

CARNAVAL 2010

O Vereador Washington Sales deseja a todos os umarizalenses e amigos da região um carnaval com muita paz e amor, que possam se divertirem sem perder o espirito da solidariedade, da humildade, da amizade, da união, pois devemos sempre brincar com esse espirito.
Otimo Carnaval.

Morre o Secretario Estadual de Educação Rui Pereira


O Vereador Washington Sales PSB- Umarizal-Rn, Lamenta a morte do Secretario de Estado da Educaçao Rui Pereira, e solidariza com a familia ilutada deste grande guerreiro.
Ruy Pereira dos Santos nasceu no dia 28 de abril de 1949 em Campina Grande.
Era casado com a médica Ana Maria de Brito com especialidade na área gastro-intestinal e de epidemiologia, irmã do consultor do Sebrae, Acácio Brito.
Deixou três filhos: Bruno (advogado), Elisa (jornalista) e Artur (estudante de medicina e de direito).
Era médico sanitarista, funcionário da antiga Funasa e da Universidade Federal de Pernambuco onde exercia o cargo de professor.
Foi vereador em Serra Negra do Norte no período de 1993 a 1996.
Foi prefeito de 1997 a 2000 e um período interino entre 2002 e 2004.
Foi candidato a governador em 2002 e a suplente de senador de Fernando Bezerra na eleição de 2006.
Ocupou a secretaria estadual de saúde no primeiro mandato de Wilma de Faria e atualmente exercia o cargo de secretário de educação.
Era cotado para assumir a secretaria de saúde no governo de Iberê de Souza a partir de abril.
Como prefeito de Serra Negra do Norte sua administração ficou na história, se tornando referência para outros municípios.
Entre os destaques está a construção de nove barragens submersas no Rio Espinharas que geram emprego e renda para os moradores de várias comunidades rurais.
Em Caicó deixou seu marco na luta pela manutenção do funcionamento do Hospital Regional que tinha o sonho de vê-lo estadualizado.
Foi o responsável pela implantação em Caicó dos cursos de odontologia e de enfermagem pela UERN.

STF nega pedido de defesa e mantém Arruda preso



O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o pedido de habeas corpus assinado pelo advogado Nélio Machado e manteve a prisão do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido), informa a GloboNews. Marco Aurélio não aceitou o argumento do advogado de que o governador teve o direito de defesa cerceado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que decretou ontem (11) a prisão preventiva de Arruda. O governador está detido na Superintendência da Polícia Federal em Brasília e contava com uma decisão favorável do ministro para voltar à liberdade.
O Superior Tribunal de Justiça tinha decreta a prisão preventiva do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, pela tentativa de suborno do jornalista Edmilson Edson dos Santos, o Sombra, testemunha do escândalo do mensalão que envolve o governo, os partidos e os deputados da sua base de sustentação. As informações são da revista Época.
Além de Arruda, foi decretada a prisão de outros quatro envolvidos: o ex-deputado Geraldo Naves; o ex-secretário de Comunicação Welligton Morais, o diretor de Operações da Centrais Elétricas de Brasília, Haroaldo Brasil de Carvalo, e o sobrinho e secretário particular de Arruda, Rodrigo Arantes. Antonio Bento, preso em flagrante após entregar uma sacola com R$ 200 mil a Sombra, já está preso. Além de Bento, os demais envolvidos também chegaram a fazer propostas a Sombra.

Ao decretar a prisão, o ministro Fernando Gonçalves, relator do inquérito da Operação Caixa de Pandora, acatou pedido da subprocuradora Geral da República Raquel Dodge. A Corte Especial do STJ acaba de ser convocada pelo presidente do Tribunal, ministro César Asfor, para referendar a decisão de Fernando Gonçalves. A sessão deverá se iniciar nos próximos momentos.
Já há algumas semanas, o Congresso em Foco alertava que Arruda não vinha conseguindo ter o controle da situação.
Depois do flagrante de suborno, o caso ganhou contornos ainda mais graves depois que se soube que Arruda tentara grampear deputados distritais de oposição, como noticiou o Congresso em Foco com exclusividade.Neste momento, os ministros do STJ estão reunidos para referendar o posicionamento do relator do caso.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Pane em rede de transmissão da Chesf deixou Umarizal e mais 145 cidades do RN sem energia

No início da tarde desta quarta-feira (10), Umarizal e mais 145 cidades do Rio Grande do Norte tiveram o fornecimento de energia suspenso de forma parcial.
A variação de fluxo adicional, termo técnico que implica uma sobrecarga na rede, foi apontada pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco – Chesf – como causa principal do desligamento das linhas de transmissão de energia que interligam as Regiões Norte, Nordeste e Sudeste.
Por meio da assessoria de comunicação da empresa, a suspensão no fornecimento de energia foi identificada às 13h52, horário do RN, e solucionada às 14h32. Toda a região Nordeste foi atingida de forma parcial.
A oferta de energia foi interrompida pelo Esquema de Alívio de Carga, sistema acionado automaticamente para proteger a rede de sobrecargas, segundo a Chesf.
A Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) declarou que 597 mil pessoas foram atingidas pela interrupção no estado, o equivalente a 55% do total de clientes da empresa.
Por meio da assessoria de comunicação, foi informado ao Nominuto.com que a queda da energia foi uma defesa do sistema Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), responsável pela coordenação e controle da operação da geração e transmissão de energia.
Foi informado ainda que quando há problemas na rede, ocorre a restrição das cargas e a normalização acontece de forma gradativa. Além da região Nordeste, Pará e Tocantins foram atingidos pela falta de energia.Em Natal, de acordo com a Cosern, o problema não foi identificado em nenhuma região da capital.

Comissão aprova licença-maternidade de 6 meses

Por unanimidade, deputados aprovaram nesta quarta-feira (10) a obrigatoriedade do aumento para seis meses da licença-maternidade. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 30/07, que prevê o benefício, passou na comissão especial e ainda precisa ir ao plenário da Casa. Caso seja aprovada, seguirá ao Senado.

Atualmente, a licença-maternidade é de quatro meses, podendo chegar a seis. A dilatação do prazo ocorre se a gestante for empregada de uma empresa privada que tenha aderido ao Programa Empresa Cidadã. Além disso, funcionárias públicas federais e de alguns governos estaduais também têm o benefício.

“Entendemos que o prazo atual de 120 dias merece ser elastecido em mais 60 dias, perfazendo um total de 180 dias, tempo necessário e suficiente para cuidar de forma eficaz e eficiente do novo ser nascido e para que a mãe trabalhadora se recupere plenamente”, justifica a deputada Angela Portela (PT-RR), autora da PEC.

A principal mudança aprovada pelos parlamentares diz respeito à ampliação - de cinco para sete meses - do período em que a trabalhadora não poderá ser demitida sem justa causa após o parto.
“A necessidade de conciliação de papéis familiares e profissionais limita sua disponibilidade para o trabalho remunerado, obrigando-as, muitas vezes, a dispensarem ocupações mais formalizadas, com jornadas de trabalho maiores e mais bem remuneradas, limitando-se a ocupações informais, instáveis, com horários flexíveis, remunerações mais baixas e, quase sempre, sem garantias trabalhistas”, reforça a deputada Rita Camata (PSDB-ES), relatora do substitutivo aprovado na comissão especial.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Governo federal cancela quase 710 mil benefícios do Bolsa Família

Por falta de atualização cadastral, o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) cancelou o pagamento do Bolsa Família de 709.904 beneficiários. O prazo para atualização era 31 de outubro do ano passado. Desde então, esses beneficiários tiveram o pagamento suspenso e receberam avisos para fazer a atualização.
A atualização rotineira dos dados das famílias assistidas permite ao MDS efetuar o controle sobre o pagamento. A renovação do cadastro deve ser feita a cada dois anos e é regulamentada pelo Decreto nº 6.392, de 12 de março de 2008.
A atualização cadastral deve ser feita nas prefeituras municipais. Segundo o MDS, o Bolsa Família atende 12,4 milhões de beneficiários. No ano passado, o programa transferiu benefícios que somaram R$ 12,4 bilhões.
fonta:agencia brasil

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Promulgada PEC do piso dos agentes de Saúde; impacto nos Municípios é de R$ 858,5 milhões por ano

Foi promulgada pelo Congresso Nacional nesta quinta-feira, 4 de fevereiro, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 391/2009 que trata da definição de um piso salarial para os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e para os Agentes de Combate às Endemias (ACE). A Confederação Nacional de Municípios (CNM) calculou o impacto do novo piso – R$ 930 – nos cofres municipais: R$ 858,5 milhões por ano para o pagamento do salário de 238 mil agentes.

Além deste montante, por exemplo, mais R$ 95,1 milhões por ano serão necessários para o pagamento de férias e 13.º salário. Com encargos sociais, os Municípios também gastarão mais R$ 214 milhões por ano. “Não somos contrários ao piso, mas o Município não pode arcar com esse montante sozinho, o valor precisa ser revisto”, alerta o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.

Para ele, “é uma irresponsabilidade criar novos encargos para os Municípios sem indicar a fonte”. Além disso, completa, a PEC preocupa os prefeitos porque a administração municipal é responsável pelas contratações de 99% dos quase 240 mil agentes comunitários de saúde e de 96% dos agentes de endemias.

Como a manutenção do profissional envolve gastos como remuneração, gratificações, férias, 13.º salário, alimentação, transporte, contribuição previdenciária e outros encargos e direitos trabalhistas, os recursos repassados pela União serão insuficientes e os Municípios, mais uma vez, serão penalizados.

“A PEC foi aprovada sem ouvir os representantes dos Municípios e do Ministério da Saúde, os responsáveis pelas contratações e pelo financiamento”, destaca Ziulkoski

De acordo com ele, uma das alternativas para, no mínimo, minimizar os problemas enfrentados pelos Municípios em Saúde seria a regulamentação do financiamento do setor no Brasil. A exigência de mais estes gastos para as prefeituras prova a necessidade urgente da aprovação do PLP 306/2008, que aguarda votação na Câmara dos Deputados.

Veja a emenda que cria o piso salarial dos agentes de saúde


O Congresso Nacional promulgou ontem (4/2) a emenda à Constituição que prevê o piso salarial para agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate a endemias. A Emenda Constitucional 63/10 prevê a definição, por meio de lei federal, do piso salarial dos agentes de saúde e o estabelecimento de diretrizes para os planos de carreira – cuja formulação ficará a cargo de estados e municípios.
Veja a íntegra do texto:"EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 63, DE 4 DE FEVEREIRO DE 2010

Altera o § 5º do art. 198 da Constituição Federal para dispor sobre piso salarial profissional nacional e diretrizes para os Planos de Carreira de agentes comunitários de saúde e de agentes de combate às endemias.
As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto constitucional:

Art. 1º O § 5º do art. 198 da Constituição Federal passa a vigorar com a seguinte redação:

"Art. 198. ................................................................................
.........................................................................................................

§ 5º Lei federal disporá sobre o regime jurídico, o piso salarial profissional nacional, as diretrizes para os Planos de Carreira e a regulamentação das atividades de agente comunitário de saúde e agente de combate às endemias, competindo à União, nos termos da lei, prestar assistência financeira complementar aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios, para o cumprimento do referido piso salarial.
..............................................................................................." (NR)

Art. 2º Esta Emenda Constitucional entra em vigor na data de sua publicação.

Brasília, em 4 de fevereiro de 2010.

Mesa da Câmara dos Deputados Mesa do Senado Federal
Deputado MICHEL TEMER
Presidente Senador JOSÉ SARNEY
Presidente
Deputado MARCO MAIA
1º Vice-Presidente
Senador MARCONI PERILLO
1º Vice-Presidente
Deputado ANTÔNIO CARLOSMAGALHÃES NETO
2º Vice-Presidente
Senadora SERYS SLHESSARENKO
2ª Vice-Presidente
Deputado RAFAEL GUERRA
1º Secretário
Senador HERÁCLITO FORTES
1º Secretário
Deputado INOCÊNCIO OLIVEIRA
2º Secretário
Senador JOÃO VICENTE CLAUDINO
2º Secretário
Deputado Odair Cunha
3º Secretário
Senador MÃO SANTA
3º Secretário
Deputado NELSON MARQUEZELLI
4º Secretário S
enadora PATRÍCIA SABOYA
4ª Secretária

Este texto não substitui o publicado no DOU 5.2.2010"

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Banco Central Lança novas notas em tamanho diferente



Nesta quarta-feira (03), o Banco Central lançou as novas cédulas que devem circular no mercado brasileiro. As notas de 2, 5, 10, 20, 50 e 100 entrará em circulação gradualmente até 2012. As diferenças em relação ao dinheiro atual poderá ser notada através do tamanho que cada nota terá. Nesse caso a cédula de R$ 2 é a menor, sendo que a de R$ 5 será um pouco maior e assim sucessivamente, a exemplo da moeda que é circulada na Europa (euro).
O visual também ganhou traços diferentes, a frente está visualmente mais limpa, mantendo o símbolo da República. Uma faixa com o valor da nota estará estampado do lado direito, sendo que o lado esquerdo ganha um grafismo com figuras do habitat de cada animal (a nota de R$ 100, por exemplo, que tem uma garoupa no verso, ganhou na frente figuras que remetem ao mar). No verso, as figuras de animais foram modificadas e estão agora na horizontal. A nota de R$ 50, por exemplo, traz a mesma figura da onça pintada, agora deitada sobre uma pedra.
Fonte: www1.folha.uol.com.br

Funcionalidades do seu celular

O blog PATUNEWS estar publicando uma série de postagens sobre 04 funcionalidades de seu celular que talvez você desconheça e que são muito importantes, pois tratam-se de utilidades de emergências.

Esta primeira postagem é sobre o número universal de emergência para celular.
Você sabia que o número universal de emergência para celular é 112?
Pois é! se você estiver fora da área de cobertura de sua operadora e tiver alguma emergência, disque 112 e o celular irá procurar conexão com qualquer operadora possível para enviar o número de emergência para você, e o mais interessante é que o número 112 pode ser digitado mesmo se o teclado estiver travado.
Para utilizar a carga reserva da bateria do seu celular digite: *3370#
Vamos imaginar que a bateria do seu celular esteja fraca. Para ativar a reserva da carga, pressione as teclas: *3370#
Seu celular irá acionar a reserva e você terá de volta 50% de sua bateria.
Essa reserva será recarregada na próxima vez que você carregar a bateria.
Você já trancou seu carro com a chave dentro?
Seu carro abre com controle remoto?
Bom motivo para ter um celular.
Se você trancar seu carro com a chave dentro e a chave reserva estiver em sua casa, ligue pelo seu celular para alguém que esteja onde está a chave reserva do seu carro. Segure seu celular cerca de 30 cm próximo à porta do seu carro e peça que a pessoa acione o controle da chave reserva, segurando o controle perto do celular dela. Isso irá destrancar seu carro, evitando de alguém ter que ir até onde você esteja, ou tendo que chamar socorro.
Distância não é impedimento. Você pode estar a milhares de quilômetros de casa, e ainda assim terá seu carro destrancado.
bem interessante tente fazer com o seu.

Vestibular da UERN é neste final de semana



O processo seletivo da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN) vai ser realizado no próximo final de semana (7 e 8). A nova data foi determinada após a suspensão da aplicação das provas que estavam previstas para ocorrer nos dias 20 e 21 de dezembro do ano passado. Mais de 19 mil candidatos deverão se submeter às provas em todo o Estado.
O cancelamento do vestibular aconteceu devido a desencontros de informações contidas na lista dos candidatos e das salas, com os dados presentes nos cartões de identificação.
Após a conclusão do processo administrativo que investigou e apontou a ocorrência de erros técnicos nos cartões elaboradas pela AOCP - Concursos Públicos, a UERN se vinculou à uma nova empresa: a Consultec, da Bahia.
A coordenadora do Processo Seletivo Vocacionado (PSV) em Natal, Michele Galdino, informou que aproximadamente 200 candidatos inscritos desistiram de prestar o vestibular e receberam o reembolso do valor das inscrições.
Michele Galdino aconselhou os candidatos a imprimirem novamente os cartões de inscrição, que estão hospedados no site da Universidade. Além disso, ela enfatiza a importância de chegar ao local das provas antes do horário determinado para o começo da aplicação dos exames. "Todos devem chegar num horário próximo ao da abertura dos portões (7h15) para o caso de haver algum problema", disse.

Bolsa Família poderá ser ampliada para atender vítimas de violência

A Câmara analisa o Projeto de Lei 6509/09, da deputada Aline Corrêa (PP-SP), que destina benefício de R$ 60 às famílias que tenham entre seus integrantes mulheres vítimas de violência (de qualquer natureza), adolescentes que usam drogas e bebidas e crianças e adolescentes vítimas de abuso ou exploração sexual.

A proposta amplia o Programa Bolsa Família (Lei 10836/04) e condiciona o pagamento à participação da pessoa beneficiada em programas de tratamento psicológico e terapêutico.

Os recursos serão provenientes das receitas da União com a exploração do petróleo da camada pré-sal. Atualmente, a lei prevê o pagamento de R$ 58 por mês às famílias com renda familiar mensal per capita de até R$ 60.

Benefícios variáveisA proposta também prevê a possibilidade do repasse de um "benefício variável" de R$ 18 nos casos em que houver, na composição dessas famílias, gestantes ou nutrizes, crianças ou adolescentes de até 15 anos. Poderão ser pagos até o limite de três benefícios por família. O projeto ainda cria outro benefício extra de R$ 30 vinculado aos adolescente de 16 e 17 anos, limitado a dois integrantes por família. Esses benefícios variáveis podem atender famílias de renda per capita de até R$ 120.

"O maior número de casos de ameaça e violação de direitos em famílias de baixa renda pode ser atribuído, de certa forma, à desestruturação dessas famílias provocada pela falta de um rendimento que propicie condições dignas de existência", argumenta Aline Corrêa.

Para a deputada, enquadram-se nessa situação "os casos de crianças e adolescentes que são explorados sexualmente e as mulheres vítimas de violência doméstica, que permitem as agressões dos maridos em razão da dependência econômica".

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: Agência Câmara

Municípios podem contar com duas novas vacinas disponibilizadas pelo SUS



A partir de março deste ano todos os Municípios brasileiros poderão contar com mais uma vacina disponível na rede pública de saúde, a pneumocócica 10-valente. Outra vacina, a anti-meningococo C, estará disponível a partir de agosto.

As duas serão incluídas no calendário básico de vacinação. Nos primeiros 12 meses após a implementação, as vacinas serão aplicadas em crianças menores de 24 meses de idade. Após esse período, elas farão parte do calendário básico de vacinação da criança específico para menores de doze meses.

A pneumocócica 10-valente será ministrada em crianças menores de doze meses em três doses, além de um reforço no primeiro ano de vida da criança. Ela protege contra a bactéria pneumococo, causadora de meningites e pneumonias pneumocócicas, sinusite, inflamação no ouvido e bacteremia - presença de bactérias no sangue-, entre outras doenças.

A Meningocócica C também será ministrada em crianças menores de doze meses, mas será em duas doses mais um reforço no primeiro ano de vida da criança. Ela imuniza contra a doença meningocócica.

Para as duas vacinas, no ano da implantação, haverá um esquema especial, no qual crianças de 12 meses a 24 meses de idade, não vacinadas anteriormente, receberão a imunização.

A CNM recomenda que os gestores municipais fiquem em alerta e incentivem a vacinação em seu Município, em busca de garantir a participação social. A imunização é a uma alternativa eficaz e de baixo custo no controle das doenças, respeitando os princípios definidos pela Política Nacional de Atenção Básica, prevenção e proteção à saúde.

Calendário Básico com a introdução das vacinas, o Calendário Básico de Vacinação do Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério passará a ter 13 tipos de vacinas para proteger contra 19 doenças. Veja abaixo as vacinas do novo calendário básico de vacinação depois da inclusão da pneumocócica 10-valente e anti-meningococo C:

• BCG (contra tuberculose) • Vacina contra hepatite B • DTP (contra difteria, tétano e coqueluche) • DTP+Hib (contra difteria, tétano e coqueluche e infecções por Haemophilus influenzae tipo B) • DT (dupla adulto – contra difteria e tétano) • Vacina Hib (infecções por Haemophilus influenzae tipo B) • Vacina contra poliomielite • Vacina contra rotavírus • Vacina contra febre amarela • Tríplice viral (contra caxumba, rubéola e sarampo) • Vacina contra Influenza (gripe) • Vacina Pneumocócica (contra meningites bacterianas, pneumonias, sinusite, inflamação no ouvido e bacteremia) • Vacina anti-meningocócica (contra doença meningocócica).
fonte: cnm.org.br